Pais e mães devem estar atentos ao excesso de carinho para com seus filhos. Adocicar a voz, usar diminutivos e chamar o bebê de apelidos carinhosos podem ser uma ameaça para o desenvolvimento de linguagem. Para melhor desenvolver a fala dos seus filhos, é importante que os pais facilitem as palavras e as estruturas frasais ao se comunicar com os bebês que nos primeiros meses não possuem habilidades suficiente para detecção das palavras. Nesta fase, de 0 a 7/8 meses, eles estão mais atentos à melodia, ritmo da fala e entonação. E é a partir das vivências com os adultos e os ambientes, que os bebês adquirem os conceitos e compreensão das palavras, vindo á evocá-las como em um toque de mágica! Um belo dia o bebê pronuncia “mama” e descobre que a fala é um brilhante recurso para manter a mamãe próxima dele e por ai segue o desenvolvimento e as descobertas.